Canto Frio


Vão-se os lábios esquecendo a saudade, essa que perdura sobre a mente e o canto mais frio da cama. O que resta são imagens congeladas que apesar de silenciosas, levam as mãos ao peito. O olhar fixado na porta, esperando o único minuto que importa, o retorno. Sem mais suportar, vai até a beira-mar, olhar o encontro do céu e mar e esperar no vazio que rodeia. Areia entre os dedos, vento salgado e nada mais do que o horizonte. Perdido distante, onde mensagens não alcançam por não precisarem chegar, está à deriva esperando vento forte ou onda favorável na direção do encontro aguardado. Entretanto, a demora é necessária, para mostrar a importância e entender que não existem dúvidas quando desapontar no canto de olho, seguindo a trilha para o porto. Existem apenas as certezas dos braços, enrolados e recheados de maresia e sol. Beijos ressecados, se banham nos lábios saudosos em sentimento aflorado pela falta de tempo e o tempo de falta. O mundo ao redor espera por isso, pelo reencontro desse desejo, do encontro desse destino com a felicidade. Fiados então estão os caminhos de duas linhas em paralelo, que hoje se entrelaçam mesmo que no adverso que venha a surgir. Esse é o caminho, sem "mas" nem menos, que segue ausente da motivação de fim.

33 comentários:

    Esquecer a saudade não é trazer dúvidas quanto ao sentimento?

    Adorei seu escrito sentimental. Abraço.

     

    Pois não há fim, só novos começos. Quanto mais se anda mais caminho se tem. "Entretanto, a demora é necessária, para mostrar a importância e entender que não existem dúvidas quando desapontar no canto de olho, seguindo a trilha para o porto."

    Concordo plenamente isso é em tudo, se conseguimos as coisas sem demora para não damos o valor necessário para ela, a demora é necessária para atiçar o desejo e quando acontecer ser valorizado.

    Beijos amei o texto *-*

     

    Ahh,saudade é o resultado de que o que se vivenciou valeu a pena,mais ainda que o que está dentro de ti é verídico,esquecer a saudade é como se esquecesse o que de verdadeiro habita em ti.
    Seus escritos são sempre profundos :)
    Parabéns!
    Um beijo.

     

    Passei , gostei e agora sigo! Valeu por me seguir tambem ;*

     

    Oi Leo,

    Esse texto tem tanta, tanta coisa de mim,
    Estou assim, lábios ressecados, saudades, espera... Estou num momento meu, de arquivamento.

    AdOrEiIIII


    Um beijo

     

    gostei daqui! *___*
    seguindo :D

     

    Excelente como sempre. Você me fez sentir saudades de algo que ainda nem foi.

    Obrigado por permitir postar seu texto no meu blog.

    Abraços!

     

    Maravilhoso!
    Saudade machuca fundo na alma, ah saudades :/

     

    Que honra ter você como seguidor.
    Seu blog é lindo, eu adorei jeito que você escreve. Mesmo.

    Sucesso pra ti, volte sempre!

     

    Adorei o blog. SIGO :)

     

    E...nos resta a dor da ausência...que não perdura, atingirá sua liberdade no tempo certo em que seremos capaz de a começar a suportar.


    Amooo seu cantinho querido!

    Beijões da Sam @}-;--

     

    É tão doce esperar...um bom momento para reflexão.
    Gostei !!

    Agradecendo a visita e o comentário.

    Abs

     

    Tão cheio de sentimento, tem tantas coisas dentro dele que me indentifico. Saudade do quentinho, do seguro, saudade de gostar tanto de alguém. O que resta realmente são as fotos no chão, os bilhetes na parede, e os beijos na lembrança. Nada que não tenha cura, mas que deixam marcas.
    Aconchegante e doce aqui, adorei!
    E com certeza, ficarei por aqui. hehe
    Um Beijo :*

     

    mesmo ó :/

     

    Estou pensando como é esquecer a saudade, mas compreendo-a (a saudade), como querer materializado aquilo que no instante habita somente em nós, isto é, está longe materialmente, mas faz parte de nossa essência.

     

    Quando a última gota de sentimento cai, é que a saudade já não resta mais! Mas se há tempo de esperar, esse tempo é sempre o que nos eleva à reflexão!

     

    OI!!!!!!!
    Belíssimas letras que pranteiam a saudade, lindo demais seu blog!
    Abraços!
    Taís V.Mariano

     

    Então...ele fica à deriva...pensando?
    O___O

     

    belas palavraas (:
    obrigada peloo comentario tbm no meu blog :)
    to seguindoo :*

    abraçooos!

     

    Lindo, amei *-*

     

    Quando o coração não coloca um ponto final, a saudade insiste na espera... e não há razão que a convença de ir embora... Nada pior do que um amor mal resolvido, mal acabado... eu sei bem disso...

    Ótimo texto, muito bem redigido!

    Abraço!

     

    A saudade, é bastante cruel, querermos ter algo e não podermos, o tempo passa tão de vagar quando estamos sem a pessoas que amamos que por vezes chegamos a um dia que só restam mesmo imagens, imagens que nos pertencem , mas também afinal se não fosse essa tal coisa de saudade que valor teria o reencontro?

     

    "foi em nome dos reencontros que deus fez o mundo redondo"

    fernand's




    bjsmeus

     

    Mesmo que a saudade vá embora, sempre resta algo, de tudo o que se viveu, sempre fica algo.

     

    Há sempre a certeza de que por mais que demore, o retorno sempre acontece. Ao menos comigo!
    Ótimo final de semana!

     

    Belas palavras

    saudades e doces lembranças

    Muito bom tudo aqui..

    Abraçoss

     

    Tinta em tela branca é capaz de proezas!

    Gostei daqui!

    beejo!

     

    Palavras inspiradoras... Gostei muito do blog. Parabéns :) venha me fazer uma visitinha também.

     

    Olá querido,

    Seu blog é tão confortável...
    Outono/Inverno - Eu diria...
    Adorandooo

     

    O teu blog é maravilhoso e as tuas metáforas encaixadas em frases literais me encantaram.
    Você tem uma visão da saudade tão otimista, mesmo com a espera, você se mostrou tão receptivo em relação ao produto de todo esse sentimento que foi sendo sufocado. Parabéns pelo teu blog e por ter uma escrita tão suave, e ao mesmo tempo tão profunda.

     

    Acaba quando a esperança morre. Ei, isso não é ruím, para um amor impossível, ou que acabou pq apareceu outra pessoa, ou que não era recíproco é o melhor momento. Quando aquela pontinha de esperança acaba, é a solução. Devemos dar graças a Deus quando a esperança vai embora. Que alivio quando ela se vai! O mundo começa a ter cor, beleza novamente. O silêncio que antes te fazia mal, agora te dá paz. Isto significa o alívio pela definição de que tudo acabou, papo encerrado, e agora estamos livres para começar outra coisa, não é?
    Um ótimo fim de semana. Bjs da Joii.

     

    "Beijos ressecados, se banham nos lábios saudosos em sentimento aflorado pela falta de tempo e o tempo de falta."

    Isso mexeu tanto comigo...
    Lindo texto!

     

    sem mas nem quês, sabemos o único momento que importa!

     
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Blogger Templates by Blog Forum

http://meublogtemconteudo.blogspot.com/